Afinal de contas, o que é CDI?

Afinal de contas, o que é CDI

Você investe em renda fixa e não sabe o que é CDI? Então, você precisa saber o que significa esta sigla e entender como ela afeta o seu dinheiro. O CDI (Certificado de Depósito Interbancário) é a taxa que determina o rendimento atual de diversos tipos de investimento.

Por isso, entender o que é a taxa de CDI para escolher o melhor investimento. O CDI é importante até mesmo para considerar investimentos em previdência privada aberta ou fundos de pensão. Essa é a melhor forma de entender como o CDI influencia o rendimento dos seus investimentos.

O que é CDI?

O CDI é o método que os bancos utilizam para fazer empréstimos entre si, mirando fechar o caixa do dia com saldo positivo. Isto é uma determinação do Banco Central, todo banco deve fechar o dinheiro com mais dinheiro entrando do que saindo de suas contas.

Porém, nem sempre isso é possível. No início de mês, por exemplo, os bancos acabam tendo saldo negativo já que o número de saques é bem maior do que o número de depósitos, por exemplo. Então, nestes dias o banco faz um empréstimo com outra instituição bancária para cobrir as faltas e fechar o dia no verde.

Dessa forma, os bancos públicos e privados trocam empréstimos entre si para cumprir a regra do Banco Central. E em todos os empréstimos são cobrados juros, definidos pela taxa CDI. Assim, o CDI é a taxa que determina o quanto um banco ganha de juros ao emprestar dinheiro para outros bancos.

Por isso, o CDI é tido como a taxa de juros do mercado financeiro. Essa taxa é calculada diariamente pela B3, de acordo com as transações feitas no dia. A tarifa é calculada pela média das taxas diárias de empréstimos entre bancos, a chamada taxa CDI over.

Como o CDI afeta o rendimento dos meus investimentos?

As taxas médias mensais e anuais do CDI são consideradas na hora de definir o rendimento dos investimentos. Um investidor comum não pode investir diretamente no CDI, apenas as instituições financeiras. E com isso, os bancos usam a taxa CDI definida pela B3 para regular o rendimento das aplicações. Leia também: Volta do Auxílio Emergencial 2021 quase confirmada.

Basicamente, a taxa de CDI é um dos principais índices de referência para investimentos de renda fixa. Por isso, é tido como uma das taxas de menor risco do mercado, sendo usado como parâmetro para avaliar a segurança do investimento.

Com toda certeza você já ouviu que um título vale X% do CDI, certo? Então, aqui o parâmetro é o seguinte: quanto maior a porcentagem, maior é o potencial de rendimento do investimento. Logo, uma aplicação que rende 130% do CDI tem uma rentabilidade bem maior do que uma que rende 90%.

Assim, quando falamos que um CDB, por exemplo, rende 100% do CDI significa que o investimento tem a mesma rentabilidade do CDI até o vencimento da sua aplicação. Se o CDB no acumulado do período foi de 6,40%, por exemplo, o CDB terá rendido 6,40%. Então, o ideal é que o investimento renda, pelo menos, 100% do CDI para valer a pena.

O CDI afeta quais investimentos

O CDI afeta quais investimentos?

Os principais tipos de investimentos de renda fixa são afetados pelo CDI. Abaixo veremos os quatro principais investimentos, confira abaixo:

CDB (Certificado de Depósito Bancário)

O CDB é um título de renda fixa emitido por bancos privados, sendo o investimento de renda fixa mais conhecido do mercado.

O investimento funciona de maneira semelhante a um título do Tesouro Direto, a diferença é que nesse caso o investidor está emprestando dinheiro para instituições privadas e não para o governo. Os CDBs com taxas pós-fixadas são atrelados à rentabilidade do CDI.

LCI (Letra de Crédito Imobiliário)

Esse título é emitido por bancos para arrecadar capital de investimentos para financiar o setor imobiliário. O LCI é um investimento de renda fixa lastreado pelos créditos imobiliários, o que é garantido por hipotecas e alienação fiduciária.

LCA (Letra de Crédito do Agronegócio)

Esse título é parecido com o LCI, o LCA é um título emitido pelos bancos para o financiamento do setor agrícola.

CDI como comparador de rendimento para investimentos

Como já dissemos no texto, o CDI é um excelente parâmetro para considerar a rentabilidade dos investimentos de renda fixa. Se o seu rendimento foi de 0,60% no mês, você saberá se ele foi bem ou mal, comparando com o rendimento do CDI.

Dessa maneira, você pode medir a rentabilidade do investimento utilizando o CDI como parâmetro. Assim, você pode ter noção se o seu título está rendendo acima ou abaixo do CDI e poderá alocar o seu capital nos melhores investimentos.

E aí, agora está por dentro do que é CDI? Você pode acompanhar os rendimentos dessa taxa e repensar os seus próximos investimentos em renda fixa para aproveitar ao máximo a rentabilidade desse mercado.